sexta-feira, 15 de maio de 2009

Seguir viagem... tirar os pés do chão.

Ir contra todos, mas a favor de si mesmo.
Não vejo graça em ver o que não é mais, nem o que poderia ser, nem o que seria se.
se hoje fosse ontem, eu queria ser o que sou agora e mesmo assim hoje eu não enxergo, pelo fato de que ontem eu não pensei  no hoje- principalmente no que eu queria ser agora.
Não há mais reclamações, chega de blasfemar, tenho tudo que nunca pensei merecer, e então as nuvens negras que povoam a cabeça vazia de pessoas vazias são apenas confirmações de que doses de inveja deixam em coma. Aí *você, tanto faz, enquanto eu faço a diferença!

;)

* você ao que me refiro, são os fofoqueiros e desocupados que perdem um tempo que poderia ser útil, cuidando do alheio.
 

2 comentários:

  1. uhhhhhhh adorei escritora mandou mto bem

    ResponderExcluir
  2. Aplausos e aplausos!

    Dou todo apoio ao que disse!!

    até

    Davi

    ResponderExcluir